terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Sangue Oculto

Título original: Dead to the World
Autor: Charlaine Harris
Tradução: Renato Carreira
Editora: Saída de Emergência

Sookie terminou a sua relação com Bill após considerar que ele a traiu. Um dia, quando sai do trabalho para casa, depara-se com um vampiro nu e desorientado. Rapidamente ela percebe que ele não tem a mínima ideia de quem é nem para onde vai, mas Sookie sabe: ele é Eric e parece tão assustador e sexy - e morto - como no dia em que o conheceu. Mas agora como Eric está com amnésia, torna-se doce e vulnerável, e necessita da ajuda de Sookie - porque seja quem for que lhe tirou a memória, agora quer tirar-lhe a vida. A investigação de Sookie leva-a a uma batalha perigosa entre bruxas, vampiros e lobisomens. Mas pode existir um perigo ou ameaça ainda maior - ao coração de Sookie, porque estando Eric mais gentil e mais doce... é muito difícil resistir.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Sou grande fã desta Saga Sangue Fresco, e este quarto livro Sangue Oculto, foi sem qualquer dúvida surpreendente e um ponto alto de todos os volumes anteriormente editados em Portugal.
Tal como terminou no volume anterior, Sookie e Bill continuam separados. Bill viaja para continuar a sua investigação para a rainha, passando para segundo plano.
Sookie decide trabalhar na noite de Ano Novo e apenas deseja para este novo ano, não se meter em sarilhos em que acaba a ser espancada.
Bem, mas os acontecimentos não se desenrolam como ela deseja e no caminho de regresso a casa, nessa mesma noite, sookie encontra á beira da estrada Erik completamente nu e amnésico. Descobre que Erik foi enfeitiçado por um grupo de Bruxas e para o manter em segurança passa uma temporada na sua casa. Como se já não bastasse de problemas, nessa noite o seu irmão desaparece e Sookie pensa que o seu desaparecimento, poderá estar ligado de alguma forma com as bruxas que enfeitiçaram Erik.
Mais uma vez Charlaine Harris apresenta-nos um excelente enredo, repleto de novas criaturas sobrenaturais (Bruxas, fadas). Como nos volumes anteriores, a escrita é fluida e dinâmica, cheia de acção acompanhado pelo característico humor negro de autora que nos prende até á ultima página.
Gostei de conhecer melhor Erik, uma personagem que sempre me chamou a atenção e de rever os lobisomens, em especial Alcide. Foi uma leitura muito agradável e viciante, e é claro, fiquei a desesperar de curiosidade pelo próximo.
Como fã super viciada, recomendo.

Relembro que Charlaine Harris virá a Portugal, a convite da Saída de Emergência. A apresentação aos fãs será dia 12 de Março pelas 18 horas, no Maxime em Lisboa.

4 comentários :

  1. adorei a sinopse... É eu queria ler essa série, parece muito, muito criativa... hmm.

    xxx
    Ana

    ResponderEliminar
  2. Olá Ana, esta série é demais:))
    bjinhos

    ResponderEliminar
  3. oi eu comecei agora a saga e já acabei os 4 editados em portugal, e desde o inicio que rogo pelo Eric, eu sei que sou um pouco má, mas havia algo entre ele e Sookie que é inesplicavel, principalmente porque acabam por se salvar mutuamente em todos os livros. E este livro apenas foi a certeza do que acontecerá no final, sim, porque eu fui ver e eles acabam juntos no final, claro!
    Jokas AMB

    ResponderEliminar
  4. Oi AMB, è viciante não é?!
    Isso foi batota:)lol Ai ai a curiosidade.
    Bem eu não fui ver , mas tb já calculava:)
    Bjinhos:)))

    ResponderEliminar