segunda-feira, 31 de agosto de 2009

MIL GROUS

MIL GROUS
de Yasunari Kawabata

Sinopse
Com uma contenção que mal disfarça a ferocidade das paixões das suas personagens, um dos grandes romancistas japoneses do pós-guerra conta uma luminosa história de desejo, arrependimento, e da saudade quase sensual que liga os vivos aos mortos.
Quando Kikuji é convidado para uma cerimónia do chá organizada por uma antiga amante do falecido pai, não está à espera de se ver envolvido com a rival e sucessora desta, a senhora Ota. Nem suspeita do sofrimento profundo que nascerá dessa relação. Mas, na cerimónia do chá, cada gesto tem um significado.
E, em Mil Grous, até o toque mais fugaz ou o comentário mais casual têm o poder de iluminar vidas inteiras... por vezes no mesmo instante em que as destroem.


ISBN: 978-972-20-3609-2
Páginas: 152
Editor: Dom Quixote
Dimensões: 15,5 x 23,5 cm
Colecção: Ficção Universal
Ano de Edição: 2009
Preço com IVA: 12.95 €


O Autor:
Yasunari Kawabata nasceu em Osaka em 1899. Os primeiros anos da sua vida foram trágicos, tendo ficado órfão aos dois anos. Formou-se em Letras pela Universidade Imperial de Tóquio, em 1924 e, um ano depois, publica o seu primeiro livro Izu No Odoriko/A Dançarina de Izu.Yuki Guni/Terra de Neve (1942), Semba Zuru/Mil Grous (1949), Yama No Oto/O Rugido da Montanha (1949), Mizuumi/O Lago (1954), Nemereru Bijo/A Casa das Belas Adormecidas (1960) e Koto/Kyoto (1961-62) são os seus romances mais conhecidos. Foi presidente do Pen Club Japonês e ainda um eminente crítico literário, que descobriu e apoiou uma geração nova de escritores, incluindo Yukio Mishima.Em 1968 recebeu o Prémio Nobel de Literatura, vendo assim consagrada internacionalmente a sua obra.Kawabata suicidou-se em 1972, aos 73 anos.

À Beira do Abismo

Sinopse
«Há já algum tempo que sou detective particular com carteira profissional. Sou um lobo solitário, solteiro, não sou rico e estou a chegar à meia-idade. Já fui dentro mais do que uma vez e não trato de casos de divórcio. Gosto de beber e de mulheres, de xadrez e de algumas outras coisas. Os chuis não simpatizam muito comigo, mas conheço alguns com quem me dou bem...
Nasci em Santa Rosa, os meus pais morreram, não tenho irmãos nem irmãs, e se acontecer ser liquidado num beco escuro – como pode acontecer a qualquer pessoa na minha profissão – ninguém sentirá que o chão lhe fugiu debaixo dos pés.» Em Los Angeles, o general Sternwood – um velho paraplégico confinado a uma cadeira de rodas – procura os serviços do detective privado Philip Marlowe por estar a ser chantageado por um vigarista. Contudo, Marlowe vê o seu trabalho dificultado pelas duas filhas do general que frequentam os locais menos recomendáveis de Los Angeles, e isto ainda antes de tropeçar no primeiro cadáver…

Autor: Raymond Chandler
Editora: Contraponto


Disponível a partir de 4 de Setembro

O Sangue da Terra

O Sangue da Terra
de Sofia Marrecas Ferreira

Edição/reimpressão: 2009
Páginas: 224
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-04069-5
Colecção: MARCA D'ÁGUA

Sinopse
Tomasa, a mãe, e Catarina, a filha: entre Lisboa, o Alentejo e Paris, duas gerações de mulheres em busca da felicidade e de sentido para as suas vidas; duas mulheres que, através do trabalho, das suas opções e do seu talento, tentam ultrapassar a solidão, a loucura e a morte.Um hino às mulheres, à força com que se entregam ao amor e às suas paixões, à coragem com que assumem as suas escolhas e a sua liberdade.

A autora:

Sofia Marrecas Ferreira estudou Línguas e Literaturas Românicas na Universidade Clássica de Lisboa e na Universidade de São Paulo. Obteve o mestrado no King’s College de Londres com uma dissertação sobre “O Lisboeta Queirosiano”. Publicou anteriormente os romances "Mulheres de Sombra", que lhe valeu o Prémio “Máxima” de Revelação de 1996, e "Uma História de Família". Actualmente, vive e escreve em Londres.
Disponível a partir de 3 de Setembro

Quero-te Muito

Quero-te Muito
Federico Moccia


Sinpose
Step regressa de Nova Iorque, cidade onde se auto-exilou para se afastar da ex-namorada – Babi –, da memória da morte trágica de um amigo e da mãe, com quem tem um relacionamento conflituoso.Ao chegar a Roma, vai morar com o irmão, reencontra os amigos e, ajudado pelo pai, começa a trabalhar no mundo do espectáculo. Entretanto, conhece Gin, uma rapariga bonita e decidida, com quem inicia uma bela história de amor.Mas, quando tudo parecia estar a entrar nos eixos, Babi volta a aparecer na sua vida e nada cabeça de Step despertam velhos sentimentos e dúvidas: Babi ou Gin…Diante da casa de qual delas irá Step escrever finalmente «QUERO-TE MUITO»?Neste belíssimo romance, Federico Moccia aponta-nos um caminho que irradia esperança; mesmo em momentos de crise, de desamor, a vida oferece-nos sempre uma nova oportunidade de amar. Como refere o próprio autor, «o jogo da vida não termina. Não pode terminar. E o amor tem as suas próprias regras, belas e sempre diferentes daquelas com que sonhamos».

ISBN: 978-989-666-04-3
N.º de páginas: 342
Dimensões: 16 × 24
Preço c/ IVA: € 19,50


Fenómeno Moccia
Federico Moccia é um dos fenómenos editoriais mais espantosos dos últimos tempos. Os seus três romances transformaram-se numa referência indiscutível para o público jovem italiano, que se vê reflectido nas histórias e sente a sua autenticidade, a conexão com a realidade social do momento. Roma tem já a “Rota Moccia”: as frases dos seus livros escrevem-se nas paredes da cidade e milhares de jovens italianos e estrangeiros selam o seu amor prendendo um cadeado nos candeeiros da ponte Milvio, como os protagonistas de Quero-te Muito. Até existe uma página Web para colocar cadeados virtuais: http://www.lucchettipontemilvio.com/«Em Roma há muitas tradições, desde deixar uma moeda na Fontana di Trevi a enfiar a mão na Bocca della Verità. Mas estas tradições eram demasiado conhecidas, pelo que decidi inventar uma. Uma semana depois do lançamento, atravessei a ponte [Milvio] e vi que em redor do terceiro pilar havia mais de cem cadeados. Foi uma sensação incrível [...]!»Entrevista de Federico Moccia para o EL País Semanal, 27/01/08A história do sucesso de Moccia constitui por si só um romance. A sua primeira obra foi rejeitada por todas as editoras, até que Federico Moccia decidiu fazer uma edição de autor. Os dois mil exemplares que lançou venderam-se rapidamente e o livro sobreviveu em fotocópias durante oito anos. Por casualidade, uma dessas fotocópias caiu nas mãos de um director de cinema que se apercebeu do seu potencial. A obra foi levada ao ecrã e publicada numa das mais prestigiadas editoras italianas, tornando-se um sucesso.Veja aqui o trailer do filme: http://www.hovogliadite.it/

O Autor
Federico Moccia nasceu em Roma em 1963. Trabalha como cenógrafo no cinema e como argumentista para a televisão. É autor de três títulos, traduzidos em doze línguas, todos eles grandes best-sellers entre os leitores jovens de todo o mundo, tendo-se tornado uma referência indiscutível para os adolescentes do seu país.Moccia combina o estilo rápido e ligeiro, o coloquialismo e a descrição esquemática de situações numa elaboração muito próxima do guião cinematográfico, o que dota a sua escrita de uma grande fluidez e facilidade de leitura. As frequentes alusões a referências culturais sem descurar os mais intensos sentimentos amorosos e as atitudes rebeldes que caracterizam a adolescência são os seus trunfos para prender rapidamente os leitores. http://www.federicomoccia.it/

domingo, 30 de agosto de 2009

A Prisão do Silêncio

Sinopse:

Quando a técnica de educação especial Torey Hayden aceitou ocupar-se do jovem Kevin de 15 anos, encontrou um miúdo a quem o mundo exterior causava pânico e que vivia fechado num mutismo voluntário No entanto aquela era apenas a parte visível de um abismo de sofrimento.
Em todas as instituições por onde passara, consideravam-no um caso perdido e a própria Hayden sentiu-o como um vencido e compreendeu que só por milagre conseguiria ultrapassar os muros que ele construíra à sua volta. Mas Hayden tem um coração maior que o mundo e sentia-se incapaz de desistir dele. Pouco a pouco foi descobrindo uma história chocante de violência e abandono e um terrível segredo que um indiferente processo burocrático tinha simplesmente esquecido.

Autor: Torey Hayden
Título Original: Murphy’s Boy
Editora: Presença
Páginas: 320
Colecção: Grandes Narrativas Nº 444


A autora:

Torey Hayden nasceu em 1951 em Livingston, Montana, nos Estados Unidos. Apesar de ter uma formação académica diversificada, dedicou grande parte da sua vida ao ensino especial e à escrita. Os seus livros, inspirados nas crianças e adultos que conheceu no decurso da sua actividade profissional, são bestsellers traduzidos para cerca de 30 línguas. Nesta colecção poderá encontrar os títulos "A Criança Que não Queria Falar", "A Menina Que Nunca Chorava", "Os Filhos do Afecto", "Uma Criança em Perigo", "Filhos do Abandono" e "A Força dos Afectos".

sábado, 29 de agosto de 2009

A SEXTA MULHER - Novidade

A SEXTA MULHER
Suzannah Dunn


Amor, paixão e intriga na corte dos Tudor
1548: amor, intriga, traição e corações despedaçados marcam os dias na corte, abalada pela morte de Henrique VIII.Katherine Parr sobreviveu ao poderoso rei e encontrou o verdadeiro amor - mas, afinal, tudo não passou de uma grande mentira…
Inteligente e generosa, Katherine Parr, a sexta e última mulher de Henrique VIII, sobreviveu a quatro difíceis anos de casamento. Mas quando o ambicioso e atraente Thomas Seymour conquista o seu coração, poucos meses após a morte do velho e cruel rei, a sua união apressada vai determinar o destino de Kate de uma forma que ninguém esperaria.A Sexta Mulher é um romance envolvente sobre a vida de duas mulheres corajosas e arrojadas que decidem arriscar tudo por amor numa época em que o amor é um luxo a que nem a realeza se pode permitir…


«Uma história absolutamente fascinante.» The Times
«Suzannah Dunn tece uma história de amor comovente e credível sobre segundas oportunidades e paixões que se reacendem. Uma obra verdadeiramente encantadora.» Daily Telegraph
«Uma história impetuosa e empolgante sobre suspeitas, política e paixões incontroláveis. Suzannah Dunn é tão rigorosa nos pormenores históricos quanto na análise do coração humano.» Easy Living
«Um enredo engenhoso torna o perigo e a vulnerabilidade em que estas vidas do período Tudor se baseiam incomodamente fáceis de entender.» Times Literary Suplement
«Magnetizante e maravilhosamente bem escrito.» Scotsman
«Suzannah Dunn é uma escritora maravilhosa.» The Sunday Times
«A Sexta Mulher é um romance convincente e imperdível.» Saga Magazine
«Suzannah Dunn consegue dar vida ao passado.» Publishing News


274 páginas
ISBN 9789898228185
15.00 euros
Quinta Essência


A Autora:
Suzannah Dunn nasceu em Londres, em 1963. É autora de vários romances, designadamente Blood Sugar, Venus Flaring, Commencing Our Descent, The Queen of Subtleties e The Queen’s Sorrow, além de dois livros de contos. Os direitos de A Sexta Mulher foram vendidos para cinco países.Actualmente, Suzannah Dunn vive em Shropshire, perto da fronteira com o País de Gales.


Disponivel a partir de 10 de Setembro

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

ANOITECER

Sinopse
Quando a irmã de MacKayla foi assassinada, deixou uma única pista sobre a sua morte — uma mensagem enigmática no telemóvel de Mac. Numa viagem à Irlanda, em busca de respostas, Mac vê-se rapidamente perante um desafio ainda maior: manter-se viva tempo suficiente para dominar um poder que não fazia ideia possuir — um dom que lhe permite ver para lá do mundo do Homem, para o perigoso reino dos Fae… Enquanto Mac mergulha cada vez mais fundo no mistério da morte da irmã, todos os seus movimentos são seguidos pelo sombrio e misterioso Jericho… enquanto, ao mesmo tempo, o implacável V’lane — um Fae-alfa que transforma o sexo num vício para as mulheres humanas — se aproxima dela. À medida que as fronteiras entre os dois mundos começam a desmoronar-se, a verdadeira missão de Mac torna-se clara: encontrar o misterioso Sinsar Dubh antes que mais alguém reclame o poderoso Livro Negro — pois quem conseguir chegar até ele primeiro terá nas mãos o controlo completo sobre ambos os mundos…"O meu nome é MacKayla, Mac, para simplificar. Sou uma vidente de sidhe, uma das que vê os Fae, um facto que aceitei apenas há pouco tempo e com grande relutância. A minha filosofia é muito simples — qualquer dia em que ninguém tente matar-me é um dia bom, na minha maneira de ver. Não tenho tido muitos dias bons, ultimamente, desde que as paredes entre o Homem e os Fae se desmoronaram. Mas, na verdade, não existe um único vidente de sidhe vivo que tenha tido um dia bom desde então. "Trata-se do 1º volume da série "Fever", que conta já com 4 volumes, estando o quinto previsto para breve.

Autor: Karen Marie Moning
Páginas: 263
Editora: Contraponto

Entrevista a Karen Marie Moning

O que a inspirou a lançar uma série nova? E que surpresas é que os fãs da série Fever poderão esperar?
Inspiração é uma palavra simpática. Eu não tive escolha. Foi a ideia para uma história que veio e nunca mais se foi embora. Acho que aquilo que os fãs podem esperar desta história é que a Mac é uma heroína numa missão crítica, apanhada num perigoso triângulo amoroso com dois dos homens mais sedutores que alguma vez escrevi.

Se tivesse de fazer um casting da série Fever para a televisão, qual seria a actriz que escolheria para interpretar o papel de Mac? E porquê?
Essa é dificíl. Eu não vejo muita televisão e o que vejo é já depois de os DVDs terem saído, por isso estou um pouco ultrapassada. Mas se fosse obrigada a escolher eu diria que a Mac é em parte como a George, de Dead Like Me, em parte como a Sara Pezzini, de Witchblade, e em parte uma doce sulista que é forçada a descobrir que afinal não é nenhuma flor de estufa.
Escreve cenas sexy muito intensas. Escreve também enredos com um suspense arrebatador.

Qual é a parte que considera mais desafiadora no desenvolvimento deste tipo de romances? Eu acho ambos igualmente desafiadores. Os enredos dos cinco livros da série Fever têm de ser construídos em conjunto e as suas histórias têm de estar entrelaçadas, o que se torna uma tarefa gigantesca, saber o que revelar, o que não revelar, como e quando. As cenas sexy são muito íntimas e eu não me faço rogada nos detalhes, o que exige total imersão nas cenas e uma separação de mim própria enquando estou a escrever. Há cenas nesta série que são muito mais perturbadoras do que sexys e essas são as mais difíceis de escrever. Eu espero que se num momento estiver a contorcer-me a querer salvar a Mac, o leitor também estará.

Ficou surpreendida em algum momento durante a escrita de Bloodfever em que algo novo surgiu no processo criativo que não tinha antecipado em Darkfever, o primeiro volume da série? Em Faefever, o terceiro livro da série, a Mac diz: «Às vezes os meus sonhos parecem tão reais que é difícil acreditar que são apenas um passeio no mapa do subconsciente, sem um verdadeiro norte. Às vezes Sonhar parece ser uma terra que existe de verdade algures, numa latitude e longitude concretas, com as suas próprias regras, leis, terrenos traiçoeiros e perigosos habitantes.»
Sinto o mesmo em relação ao mundo de Fever. É tão completo para mim, tão vivo e detalhado que eu fico a pensar que existe mesmo algures. Desde que a história veio até mim, tem havido algumas, muito poucas, surpresas.

Se pudesse estar num quarto com os seus heróis, os homens de quaisquer dos seus romances, não só da série Fever – quem gostaria mais de entrevistar? E porquê? E as mulheres? Homens: o Rei Unseelie. Correm rumores de que ele tem um milhão de anos. Gostaria de saber se ele o lamenta.
Mulheres: a Rainha Aoibheal. Queria saber se ela realmente esqueceu ou está só a fingir.
Descreva a sua rotina durante a escrita da série Fever.O local varia, mas o horário é sempre o mesmo. Eu escrevo melhor de manhã quando o meu subconsciente ainda está a fervilhar com as imagens e as metáforas dos meus sonhos. Eu escrevi o Darkfever na Georgia e o Bloodfever em Key West; todo aquele sol era um óptimo contraste com a escuridão da história. Eu começo cedo, normalmente por volta das 4:30h ou 5h e escrevo até às 11h da manhã, faço uma pausa de duas horas para o almoço e depois regresso à escrita a partir das 13h. Normalmente uso as tardes para editar um pouco e trabalhar noutros aspectos do meu negócio. Antes de ir para a cama, bloqueio as cenas que estava a planear escrever no dia seguinte para que o meu subconsciente possa remoer nelas enquanto durmo.

Quando não está a escrever, o que faz para se divertir? E que tipo de livros prefere ou quais são os seus autores favoritos? Ultimamente, tenho passado muito tempo deitada ao sol. Ainda estou em Key West e acho que a Mac contagiou-me, ou então é por causa de tanto Jimmy Buffet que passam na rádio aqui. Não costumo ser sedentária. Gosto de fazer exercício, caminhadas, andar de bicicleta, de patins, ir às compras com as minhas irmãs e viajar com o meu marido e o nosso gato, Moonshadow. Não tenho muito tempo para ler. Os livros que li recentemente foram os últimos do Dean Koontz, Stephen King, Charlaine Harris e um mais antigo do Dan Simmons.

Pode partilhar connosco um pouco daquilo que podemos esperar depois de Bloodfever? Está sempre mais escuro antes do amanhecer. Ainda não é o amanhecer.


Boas Noticias
O próximo volume da saga "Fever" da Karen Marie Moning, será lançado emNovembro de 2009 pela Contraponto. Ainda sem título em português, nos EUA o segundo volume da série é Bloodfever e dá seguimento ao já editado entre nós Anoitecer.
Site da autora: http://www.karenmoning.com/


Estou apaixonada por esta escritora.

"Anoitecer" é mais um livro muito bem escrito, que me viciou desde que Mac chega á Irlanda. Que imaginação:) Vivi todos os momentos que relatou tão intensamente. Mágico.
Só posso acrescentar que adorei(mais um de KMM), e que estou só com pena não poder ler logo o
próximo, custa-me esperar. Bem, mas tenho ver pelo lado positivo, pelo menos sei a data de lançamento do próximo volume:)
Recomendo




terça-feira, 25 de agosto de 2009

O Último Setembro em Teerão


Sinopse:
Dalia Sofer descreve com realismo o ano que se segue à prisão do joalheiro Amin, recorrendo aos diferentes pontos de vista sobre os acontecimentos, de acordo com a situação de cada um dos membros da família. A experiência da prisão, vivida por Amin, a ansiedade de Farnaz, que procura o marido, a epopeia da pequena Shirin que a mãe considera demasiado jovem para ter consciência dos acontecimentos e, finalmente, o drama de Parviz, o filho mais velho que luta por continuar os seus estudos universitários em Nova Iorque. Um relato profundo e delicado sobre a vida de uma família dilacerada por um conflito, cultural, social e religioso entre Setembro de 1981 e Setembro de 1982. Seleccionado pelo The New York Times como um dos cem mais notáveis títulos do ano da sua publicação.

P.V.P.: 15,00 €
Data 1ª Edição: 18/08/2009
Nº de Edição: 1ª
ISBN: 978-972-23-4201-8
Nº de Páginas: 252
Dimensões: 150x230mm
Peso: 372g


«Um romance psicologicamente vibrante.» Vogue
«A estreia literária de Dalia Sofer é extraordinária.» Wall Street Journal
«Tão inteligente quanto pungente.» Kirkus Review
«Uma estreia corajosa e humana. Intensa e profundamente comovente.» Weekly Standard
«Esta é uma história que tem de ser contada…intemporal e perfeita para discussão.» Library Journal – starred review
«Uma estreia notável. Rica e extremamente comovente. Tão belo e delicado quanto um livro sobre o sofrimento pode ser.» The New York Times Book Review
«A sua prosa elegante é mágica. Sofer retrata na perfeição a transição do Irão para uma república teocrática.» Financial Times

domingo, 23 de agosto de 2009

Só Mais Uma Vez

Sinopse:
Elizabeth Wurtzel surgiu na cena literária internacional com o bestseller Nação Prozac, já publicado pela Presença. Elizabeth encontra-se agora na Florida a escrever. Aí, a sua psiquiatra receita-lhe Ritalina para potenciar o efeito dos antidepressivos, que ainda continua a tomar. Elizabeth, iniciada no consumo de heroína e cocaína, e desconhecendo que este fármaco pudesse causar dependência, depressa excede a dose prescrita e começa mesmo a «snifá-lo» em pó. Com as quantidades absorvidas, o descontrolo ameaça arruinar-lhe de novo a vida. Um livro de uma grande autenticidade, que nos proporciona inquietantes insights da mente.




P.V.P.: 19,50 €
Data 1ª Edição: 18/08/2009
Nº de Edição: 1ª
ISBN: 978-972-23-4193-6
Nº de Páginas: 480
Dimensões: 140x210mm
Peso: 568g



«A escrita de Elizabeth Wurtzel é, infelizmente, irresistível.» Express
«A escrita de Wurtzel é inteligente, resoluta e comovente.» Scotsman
«O ritmo da narrativa, os momentos cómicos, a velocidade dramática e a consciência neurótica da primeira pessoa estão, verdadeiramente, irrepreensíveis.» Times
«Um livro excelente, avassalador e inquietante com o qual os jovens se irão identificar e do qual se recordarão.» School Library Journal
«Divertido e honesto; o terror que sentiu é palpável.» USA Today

Eles Estão Entre Nós

Todos nós adoramos uma boa história de fantasmas. Talvez o nosso fascínio pelo sobrenatural tenha origem no facto de quase todos nós termos tido, a certa altura da vida, uma experiência que não conseguimos explicar racionalmente. Quer se trate de uma intuição inexplicável, de uma premonição ou da mera sensação da presença de algo ou alguém que apenas nós sentimos, o sobrenatural já tocou a vida de quase todos nós. Desde a mais tenra idade que James Van Praagh contacta com uma dimensão que poucos conseguem ver, tendo dedicado toda a sua vida a explicar-nos em que consiste essa dimensão – o Além. Eles Estão Entre Nós leva o leitor numa viagem fantástica e inspiradora pelo mundo dos espíritos e oferece respostas a um dos maiores mistérios de sempre: o que nos acontece depois da morte?
Perder um ente querido pode ser uma das dores mais profundas que podemos sentir. Imersos na saudade, na tristeza e muitas vezes na culpa, agarramo-nos à memória e questionamo-nos se algum dia voltaremos a encontrar-nos. Em "Eles estão entre nós", o médium americano James Van Praagh afirma que os espíritos de pessoas queridas estão sempre à nossa volta, a olhar por nós e até a interferir nas nossas escolhas para tomarmos o caminho certo. No entanto, não são apenas esses espíritos bons que nos cercam.
Muitas vezes, pessoas que morreram tragicamente continuam presas à Terra, e isso pode gerar uma série de transtornos e sofrimentos.
Mas como identificar os espíritos que estão ao nosso lado? Como saber se são anjos ou assombrações? Como reconhecer os sinais que eles nos enviam? Como compreender suas mensagens? Neste livro, James Van Praagh ensina técnicas e exercícios que nos vão ajudar a compreender melhor o outro lado da vida, aliviando os nossos medos e fazendo-nos ver a morte com mais naturalidade.
Top de Vendas do New York Times, da Publishers Weekly e da Amazon.com

Críticas de imprensa:
«James Van Praagh mudou a vida de milhares de pessoas; a sua obra dá-nos uma nova perspectiva sobre a morte e o luto. É impossível não ficar comovido.»Newsweek
«Van Praagh oferece consolo espiritual e psicológico a todos aqueles que se debatem com a dor do luto. Também ajuda os leitores a desenvolverem os seus próprios meios de comunicar com o céu. Mesmo aqueles que não procuram contacto com o Além ficarão fascinados com a análise pragmática do autor de temas como o karma, a vida depois da morte e os guias espirituais.»Amazon.com
«O conferencista e médium de renome internacional, James Van Praagh, apresenta uma mensagem forte acerca da possibilidade da vida após a morte. As histórias que conta sobre amor e perda são verdadeiramente comoventes.»Library Journal


O autor:

James Van Praagh é um médium de renome internacional, conhecido por trazer paz e consolo àqueles que perderam um ente querido. É uma figura pública nos EUA, sendo convidado frequente de programas como Larry King Live e The Oprah Winfrey Show, e é produtor e apresentador de várias séries de televisão acerca da vida após a morte. É autor de vários best-sellers internacionais sobre o mediunismo, que ensinam os leitores a desenvolver as suas próprias capacidades intuitivas. Produtor Executivo da Série Televisiva Em Contacto (Entre Vidas, SIC).

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Passatempo na Casa da Noite Portugal

Queres Ganhar o 2º Volume "Traída" da Série Casa da Noite, Patrocinado pelo Grupo Saída de Emergência?

Então vai ao blog Casa da Noite Potugal e ve como podes ganhar.


Boa sorte ao participantes:)
O livro será lançado a 11 de Setembro.
(A imagem da capa em Portugal não é esta, mais tarde volto a deixar noticias sobre este livro).

Orbias – as Guerreiras da Deusa


Orbias – as Guerreiras da Deusa

Noemi é fã de cinema e séries de acção e aventura. Mas nunca imaginou que ela própria faria o papel de uma dessas personagens que de um momento para o outro vêem a sua via normal dar uma volta de 180 graus. De uma forma pouco ortodoxa, descobre que é um Anjo, uma Guerreira ancestral renascida e que, numa dimensão paralela à da Terra, existe um mundo mágico regido por uma Deusa – Orbias.
Mas Noemi não terá apenas de lidar com os seus novos poderes e responsabilidades. Terá também de se confrontar com perigos e emoções aos quais não estava habituada, especialmente um sentimento em relação a Sebastian, um orbiano sedutor... Conseguirá ela superar a sua fragilidade e conflitos interiores para salvar os dois mundos da destruição?
Orbias é uma aventura fantástica repleta de acção, sensualidade, personagens e cenários surreais, humor e magia. Uma obra essencial para quem gosta de uma história cheia de surpresas e fantasia moderna.


Autor: Fábio Ventura
Editora: Casa das Letras


Detalhes:
"Queria esclarecer convosco a razão para o nome da obra "Orbias - As Guerreiras da Deusa". Depois de uma pesquisa de rotina no Google e YouTube, cheguei à conclusão que o o título tem uma sonoridade semelhante a "orgias"...
Na história, chamei de Orbias ao mundo paralelo ao nosso, pois é um mundo onde abundam orbes mágicas. À semelhança do petróleo que é convertido em gasolina e funciona como fonte de energia e base de economia na Terra, em Orbias a fonte de energia é a magia que é convertida nesses orbes. Depois tentei adicionar um certo teor "latim" e daí surgiu o nome "Orbias".
O subtítulo "As Guerreiras da Deusa" surgiu como sugestão da editora Casa das Letras, uma vez que o título "Orbias" isolado seria muito dúbio. A história gira em torno de seis Guerreiras dos dois mundos, embora a história seja contada na primeira pessoa por uma delas, Noemi. Sem qualquer tipo de "arrogância literária", achei que fazia falta criar personagens femininas fortes, mas ao mesmo tempo com as suas fraquezas e medos, especialmente num género (fantástico) onde predominam os heróis masculinos."

Conhecer as personagens:

Noemi: Protagonista da história. Vive na Terra onde tem uma vida normal de universitária. É bastante tímida, sonhadora e ingénua. Vê a sua vida dar uma enorme volta quando é confrontada com a existência de outro mundo;Lorelei: Segunda protagonista da história. Também vive na Terra e leva uma vida boémia em paralelo à vida académica. Tem uma estranha afinidade com o mar, o que terá consequências quando descobrir Orbias;Lily-Violet: Uma orbiana excêntrica e extremamente divertida, por vezes vista como louca devido aos anos de clausura. Tem uma ligação sobrenatural com a Natureza;Rouge: Uma princesa orbiana presunçosa e arrogante com uma certa queda para o desastre. Consegue explodir com pequenas coisas e não suporta pessoas mais inteligentes que ela;Sebastian: Um orbiano sedutor e misterioso com a missão de "acordar" as Guerreiras da Deusa;Adam: É um jovem da Terra, introvertido e com tendência para a depressão. Tem um fardo pesado nos seus ombros, o que intensifica o seu lado negro.


Visite o blog


Disponível em Setembro


domingo, 16 de agosto de 2009

Fãs da Saga Sangue Fresco

3º volume da Saga Sangue Fresco
sai dia 9 de Outubro


Há apenas um vampiro com a qual Sookie Stackhouse está envolvida, pelo menos de forma voluntaria, e esse vampiro é Bill. Mas recentemente, ele tem estado um pouco distante. E noutro Estado.
Eric, o seu chefe sinistro e sensual, julga saber onde encontrá-lo e, quando dá por isso, Sookie está a caminho de Jackson, no Mississippi, para se infiltrar no submundo do Clube de Sangue.

Este clube é um local perigoso onde a sociedade vampírica se reúne para descontrair e beber um copo de O positivo.
Mas quando Sookie finalmente descobre Bill – apanhado num acto de traição séria – ela não tem a certeza se o quer salvar… ou afiar estacas.

Autor: Charlaine Harris
Editora: Saída de Emergência



Novidade para Setembro

A Prisão do Silêncio

Sinopse
Quando a técnica de educação especial Torey Hayden aceitou ocupar-se do jovem Kevin de 15 anos, encontrou um miúdo a quem o mundo exterior causava pânico e que vivia fechado num mutismo voluntário No entanto aquela era apenas a parte visível de um abismo de sofrimento.
Em todas as instituições por onde passara, consideravam-no um caso perdido e a própria Hayden sentiu-o como um vencido e compreendeu que só por milagre conseguiria ultrapassar os muros que ele construíra à sua volta. Mas Hayden tem um coração maior que o mundo e sentia-se incapaz de desistir dele. Pouco a pouco foi descobrindo uma história chocante de violência e abandono e um terrível segredo que um indiferente processo burocrático tinha simplesmente esquecido.


Autor: Torey Hayden
Título Original: Murphy’s Boy
Tradução: Saul Barata
Editora: Presença
Páginas: 320
Colecção: Grandes Narrativas Nº 444

Disponível a partir de 2 de Setembro

A Autora
Torey Hayden nasceu em 1951 em Livingston, Montana, nos Estados Unidos. Apesar de ter uma formação académica diversificada, dedicou grande parte da sua vida ao ensino especial e à escrita. Os seus livros, inspirados nas crianças e adultos que conheceu no decurso da sua actividade profissional, são bestsellers traduzidos para cerca de 30 línguas. Nesta colecção poderá encontrar os títulos "A Criança Que não Queria Falar", "A Menina Que Nunca Chorava", "Os Filhos do Afecto", "Uma Criança em Perigo", "Filhos do Abandono" e "A Força dos Afectos".

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Mais Novidades na Saida de Emergência

A Cor do Céu [Ed. Especial]
James Runcie

Sinopse

Veneza no ano de 1295. Aquando das festividades do dia da Ascensão, Teresa Fiolaro, uma mulher que há muito tentava em vão ter um filho, encontra um bebé abandonado num estreito canal. Chama-lhe Paolo. Apesar da resistência do seu marido, a jovem cria a criança em casa, no meio dos vidreiros de Murano. Quando Paolo cresce, os seus novos pais apercebem-seque ele vê mal ao longe, mas que ao perto tem uma estranha e apurada capacidade de distinguir cores e tons. Esse dom é reconhecido por Simone Martini, um pintor de Siena, que envia Paolo numa viagem para encontrar o perfeito azul ultramarino, a cor do céu. Essa viagem vai levá-lo para lá do mundo conhecido, através da Pérsia, Afeganistão e China, onde terá oportunidade para aprender mais sobre as cores, a beleza e o amor, mas também sobre a derradeira diferença entre ver e olhar.

"Deliciosamente sensual..."-Joanne Harris

Chancela: Chá das Cinco / 2009
ISBN: 9789898032553
Formato: Capa mole
Dimensões: 16 x 23
Núm. páginas: 224
15.22€


Caídos da mesma Árvore
Carlos Porfírio
Sinopse
Caídos da Mesma Árvore é um romance que gira à volta de um inconveniente encontro entre um grupo de sete amigos e um gangue acabado de fugir de um estabelecimento prisional. Tudo se passa numa quinta, algures no Alentejo, onde Mónica Francesco decide comemorar o seu aniversário. Ao mesmo tempo essa quinta foi eleita como lugar de refúgio para um grupo de prisioneiros procurados pela polícia. A casa é apenas um cenário, onde se assiste à valsa de acontecimentos e ao turbilhão de emoções que envolve dois grupos de pessoas resgatadas num espaço que se vai tornando pequeno demais à medida que as horas passam. As diferenças de cada um tendem a agravar-se nos momentos de perigo, e o medo vai realçar os traços pelos quais cada um pauta a sua conduta moral.O que somos capazes de fazer quando a nossa vida corre perigo? Até onde estamos dispostos a ir para garantir a nossa liberdade? Mais do que uma história empolgante, Caídos da Mesma Árvore é uma reflexão sobre comportamentos, sobre o exíguo conhecimento que o ser humano tem sobre si mesmo, sobre o tecido social, sobre o bem e o mal.

Chancela: Saida de Emergência / 2009
ISBN: 9789896371432
Formato: Capa mole
Dimensões: 16 x 23
Núm. páginas: 224
15.22€

Lançamentos para 14 de Agosto





A Villa

Sinopse

Sophia é a herdeira do negócio de vinhos da próspera família Giambelli. Sob ordens da sua avó, ela tem de aprender todas as etapas da produção de vinho. O seu tutor, Tyler MacMillan, é um jovem atraente com uma grande paixão pelas vinhas, mas apenas desprezo pelo mundo de negócios. À partida, esta promete ser uma parceria difícil, mas quando a reputação dos vinhos Giambelli começa a ser misteriosamente atacada, a difícil relação transforma-se num inesperado romance.
Infelizmente alguém ambiciona destruir mais do que o negócio de vinhos. Mas só quando o pai de Sophia é morto e os membros da família se tornam suspeitos, é que a verdadeira dimensão da ameaça é revelada. Será que a própria família Giambelli está em risco? E o que pode um frágil amor perante tamanha teia de manipulação?


Autor: Nora Roberts
Editora: Saída de Emergência
Disponível a partir de 14 de Agosto

domingo, 9 de agosto de 2009

Despertar já na terceira edição

Despertar - Crónicas Vampiricas
de L.J.Smith

Sinopse
«Está na hora», Stefan, pensou Elena. E, com enorme delicadeza, atraiu de novo a boca dele para baixo, desta vez para a sua garganta. Na Itália renascentista, os irmãos Stefan e Damon Salvatore enfrentam-se pelo amor de uma jovem. Séculos mais tarde, voltarão a fazê-lo por Elena Gilbert, uma das suas colegas de liceu, que desconhece a sua verdadeira identidade.Stefan Salvatore, o novo aluno de Fell’s Church, arrasta com ele um passado misterioso, e também alguém que apenas deseja vingança, o seu irmão Damon: são mais do que irmãos de sangue e o seu ódio ultrapassa as barreiras do tempo… Agora procuram reproduzir um mortífero triângulo amoroso que tem no centro Elena, a jovem mais popular do liceu.
Em Fell Church, uma cidade pacata em West Virginia, a rapariga mais popular do liceu Robert E. Lee apaixona-se por um vampiro com quatrocentos anos. Com a ajuda das amigas, Meredith e Bonnie, Elena fará tudo para seduzir Stefan. E Stefan fará tudo para proteger Elena… de si próprio. O adolescente de olhos verdes, rosto clássico e trato delicado esconde um passado sombrio e uma sede que não consegue controlar. Com ele, arrasta a memória de um amor perdido e um irmão que apenas deseja vingança. Em Florença, no Renascimento, Stefan e Damon Salvatore lutaram pelo amor da mesma mulher. Séculos mais tarde, voltarão a fazê-lo. DESPERTAR é a introdução a um triângulo amoroso arrepiante: a história de dois irmãos vampiros que se odeiam e de uma rapariga que se vê dividida entre os dois.

Edição/reimpressão: 2009
Páginas: 272
Editor: Planeta
ISBN: 9789896570132
P.V.P: 13,85 €


Conflito - 2º Volume de Crónicas Vampiricas
Sinopse
Elena descobre que, mais perigoso do que amar um vampiro, é ser desejada por dois. Damon persegue-a, procurando aliciá-la com promessas de poder e vida eterna. Stefan tenta desesperadamente protegê-la do irmão. E Elena acaba por partilhar o seu sangue com os dois vampiros. O CONFLITO entre irmãos reacende-se. Enquanto Elena se deixa consumir pela dúvida e a tentação de escolher um dos irmãos, Stefan percebe que a única maneira de salvá-la das garras de Damon é quebrar o seu voto e voltar a provar sangue humano. Que irmão escolherá Elena?

Nº de págs: 268
P.V.P: 14,90 €

Fúria - 3ºvolume de Crónicas Vampiricas

Os fãns desta série vão ter ainda que esperaruns bons meses.
O lançamento de "Fúria " está previsto para Novembro, a capa o livro ainda não sabemos como será, mas deixo abaixo a sinopse para matar a curiosidade.
Sinopse
Elena descobre que, mais perigoso do que amar um vampiro, é ser desejada por dois. Damon persegue-a, procurando aliciá-la com promessas de poder e vida eterna. Stefan tenta desesperadamente protegê-la do irmão. E Elena acaba por partilhar o seu sangue com os dois vampiros. O CONFLITO entre irmãos reacende-se. Enquanto Elena se deixa consumir pela dúvida e a tentação de escolher um dos irmãos, Stefan percebe que a única maneira de salvá-la das garras de Damon é quebrar o seu voto e voltar a provar sangue humano. Que irmão escolherá Elena?

Série Vampire Diaries - Trailer
Deixo aqui um trailer da série de televisão baseada nas Crónicas Vampiricas , que irá estrear nos EUA em setembro.

video

sábado, 8 de agosto de 2009

A RAPARIGA QUE BRILHA NO ESCURO

A RAPARIGA QUE BRILHA NO ESCURO
Joshilyn Jackson

Duas irmãs abrem a porta para o seu passado. Só a poderão voltar a fechar depois de enfrentarem a verdadeira história da família e descobrirem todos os esqueletos escondidos no armário.
Leitura Recomendada * BookSense Pick
Só a força dos laços de família pode ultrapassar os segredos do passado que nos impedem de ser verdadeiramente felizesO fantasma que Laurel vê a brilhar no escuro é só o primeiro sinal de que, afinal, nem tudo está bem na sua idílica vida…Laurel Gray Hawthorne tem tudo para ser feliz: um marido apaixonado, uma filha adorável e uma bela casa. Até que numa noite de Verão a sua vida perfeita desmorona-se e ela tem de enfrentar o passado que tão cuidadosamente escondeu de si e dos outros. Há treze anos que Laurel não via um fantasma. Mas a meio de uma quente noite de Agosto, ela acorda e vê o fantasma de uma rapariga morta junto à sua cama. Trata-se da adolescente Molly, a melhor amiga da filha. O fantasma conduz Laurel até ao seu pequeno corpo, a flutuar sem vida na piscina da família. Agora, com a polícia no jardim e os vizinhos a espreitar por cima da vedação, a vida cuidadosamente construída de Laurel abre fendas e o seu passado escoa-se por elas.Molly não repousará até que alguém descubra o que lhe aconteceu de verdade. A vizinhança acredita tratar-se de um trágico acidente, mas Laurel sente que há algo mais. Com a ajuda da irmã, Thalia, Laurel decide investigar o que realmente aconteceu à jovem.Mas, para decifrar o mistério, ela precisa de desvendar os segredos que rodeiam a sua própria família e enfrentar o que aconteceu há muitos, muitos anos – num dia que ela havia conseguido esquecer até então…

Editora: Quinta Essência
294 páginas
ISBN 978 989 8228 16 1
15.00 euros

Imprensa


«Um livro a não perder.» New York Post

«Vivo e envolvente… um belo equilíbrio entre a escrita mágica e realista. Um romance que faz recordar Visto do Céu.» Atlanta Journal Constitution

«Um grande romance que culmina num final excitante, surpreendente e, simultaneamente, perfeito para a história.» USA Today


«Uma história de fantasmas, um drama familiar e um mistério num só livro. Este romance é um grande feito de Jackson.» Entertainment Weekly


«Poucos autores conseguem envolver tão profundamente o leitor na história. Mas Joshilyn consegue-o neste romance fascinante.» Romantic Times


«Jackson tem uma voz fresca e possui um talento natural para a escrita.» Washington Post Book World


«De vez em quando, aparece um escritor notável que, seguindo o trilho dos grandes autores, dá uma nova lufada de energia à ficção americana. Assim acontece com Joshilyn Jackson.» BookPage


«Uma autora a não perder.» Bookseller


«Jackson é uma escritora talentosa.» Daily Mail


«Esta história sobre duas irmãs desavindas que se reúnem para desvendar um mistério é um verdadeiro deleite.» People


«Não se precipite para a última página. Abrande e aprecie a história – e será recompensado.» Library Journal


«Um romance fluido e bem escrito que culmina num excitante final.» Booklist


«Uma escritora brilhante que melhora a cada livro.» The Denver Post

Veja aqui uma entrevista à autora a propósito deste romance
A Rapariga que Brilha no Escuro:



video

video

Ainda Pode Participar

Passatempo de Verão

A Quinta Essência tem para oferecer cinco exemplares do romance A Rapariga que Brilha no Escuro, de Joshilyn Jackson. Escreva uma frase sobre os livros da Quinta Essência e o Verão e envie-a para quintaessencia@oficinadolivro.leya.com até dia 10 de Agosto. Serão consideradas e apreciadas todas as frases enviadas até ao final do dia 10, ou seja até às 23h59. Os autores das cinco frases mais criativas, incluindo obrigatoriamente as palavras Quinta Essência, livros e Verão, receberão em casa um exemplar deste romance.

Amor em Minúsculas


Samuel é um professor universitário que vive no mais perfeito isolamento. Desperdiça os seus dias em idas e voltas entre o seu apartamento, onde se refugia em horas de leitura e música, e as entediantes aulas na Universidade de Barcelona, que o fazem sentir-se ainda mais desligado do mundo. Um dia, um inesperado visitante interrompe a sua solidão… Quando um gatinho aparentemente abandonado lhe entra pela casa a dentro, tem início um elaborado enredo de coincidências escritas pelo destino. A «bolinha de pêlo» leva-o a conhecer várias personagens insólitas - o seu vizinho, um coleccionador de sabedorias do mundo; um estranho pseudoprofeta num café, obcecado com uma viagem à Lua; uma veterinária com dotes de psicóloga -, e até a redescobrir um amor de infância perdido. Enquanto Samuel vai abrindo as portas à vida, o leitor acompanha-o numa viagem pela história da arte, do cinema, da filosofia e da literatura, numa descoberta constante da beleza do quotidiano e do espanto pela vida. Um romance mágico e comovente, com ecos de Alice no País das Maravilhas e de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, que nos recorda como basta uma minúscula dose de amor para dar cor e música à vida…


Autor: Francesc Miralles
Edição/reimpressão: 2009
Páginas: 240
Editor: Edições Contraponto


(O site Segredo dos Livros, em parceria com a Editora Contraponto, lança de hoje até dia 22 de Agosto de 2009, um passatempo, onde serão oferecidos três exemplares deste livro. http://www.segredodoslivros.com/ )

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Feira do Livro em Faro no Jardim Manuel Bivar

A Feira do livro de Faro este ano comemora a sua 33ª edição, até dia 16 de Agosto, com várias secções de autografos e espectáculos musicais.
Promovida pela Câmara Municipal de Faro, é um dos mais importantes acontecimentos culturais da cidade e tem como objectivo promover o gosto pela leitura.
Os visitantes podem contactar de perto com variadas obras e alguns autores, uma vez que a feira recebe diversos editores, livreiros, alfarrabistas locais e nacionais.
Destaca-se ainda a presença de alguns autores portugueses, nomeadamente António Garcia Barreto, Pedro Vasconcelos, Rui Simão Dias, Lina Vedes, Manuel Almeida, José Letria, Geronimo Stilton, Fernando Esteves Pinto, Manuel Godinho, Maria Gabriela Silva e Fernando Dinis.
Aproveitem

Quantas Estrelas Tem o Céu?


Mais uma Novidade na Editorial Presença cheia de Romance...

Quantas Estrelas Tem o Céu?
de Giulia Carcasi

Sinopse:
Alice e Carlo, os protagonistas deste romance, são dois jovens de dezoito anos a terminar o secundário. Sonhadores, rebeldes e vulneráveis, vivem intensamente o turbilhão de experiências e emoções que agita os seus dias e a entrada num mundo adulto que ainda compreendem mal. Um romance contado a duas vozes, de Alice e de Carlo, duas perspectivas distintas que se complementam, duas histórias que se reflectem uma na outra e se encontram na descoberta e no desejo de um amor verdadeiro e profundo. Um olhar lúcido e real sobre a vida de dois jovens adolescentes, temperado com a dose certa de romantismo.

Data 1ª Edição: 04/08/2009
Nº de Edição: 1ª
ISBN: 978-972-23-4190-5
Nº de Páginas: 340
Dimensões: 130x200mm
Peso: 340g
14 Euros

Giulia Carcasi nasceu em Roma em 1984. Está a tirar o curso de medicina. Este é o seu primeiro romance. Giulia Carcasi nasceu em 1984 em Roma, cidade onde vive e estuda Medicina. Quantas Estrelas Tem o Céu? é o seu primeiro romance e chegou aos tops dos livros mais vendidos em Itália.




quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Novidade na Dom Quixote


A MÚSICA DA FOME
de J. M. G. le Clézio

Sinopse
Ethel Brun é filha de um casal de exilados, formado por Justine e Alexandre, um homem afável e irrequieto que muito jovem deixou a ilha Maurícia e que, na alegre Paris dos anos 20 e 30, se dedica a delapidar a herança em negócios pouco recomendáveis. Na infância, o único prazer de Ethel é passear pela cidade com o seu tio-avô, o excêntrico Samuel Soliman, que sonha ir viver para o pavilhão da Índia Francesa construído para a Exposição Colonial. E, na adolescência, Ethel conhecerá algo parecido com a amizade pela mão de Xenia, uma colega de escola, vítima da Revolução Russa e que vive quase na miséria.
O bem-estar de Ethel começa a resvalar quando, nas refeições que o seu pai oferece a parentes e conhecidos, se repete cada vez mais o nome de Hitler. Serão os primeiros sinais do que ameaça a família Brun: a ruína, a guerra, mas, sobretudo, a fome. Ela marcará o despertar da jovem Ethel para a dor e o vazio, mas também para o amor, num romance em torno das origens perdidas, durante uma época que culminou com um apocalipse anunciado.


ISBN: 978-972-20-3825-6
Páginas: 192
Dimensões: 15,5 x 23,5 cm

Colecção: Ficção Universal
Ano de Edição: 2009
Encadernação: Brochado
Preço com IVA: 15.00 €

J. M. G. LE CLÉZIO
Jean Marie Gustave Le Clézio nasceu em Nice a 13 de Abril de 1940. O seu primeiro romance, publicado em 1963, Le procès-verbal, obteve o Prémio Renaudot.
Considerado um dos mais importantes ficcionistas da nova literatura francesa, viu a sua obra reconhecida com o Prémio Nobel de Literatura em 2008. Publicou cerca de cinquenta obras, entre as quais se destacam La fièvre (1965), Terra amata (1967), Le chercheur d or (1985), Hasard (1999), L Africain (2004) e o seu mais recente romance Ritournelle de la faim (2008).
A Dom Quixote publicou em 1986 Deserto (1980), por muitos considerado o seu melhor livro, galardoado com o Prémio Paul Morand da Academia Francesa, e, posteriormente, Estrela Errante (1992).








A Música das Borboletas


Novidade Editorial Presença

A Música das Borboletas

Sinopse:
 Em 1903, Thomas Edgar, um jovem coleccionador de borboletas, sonha encontrar uma espécie rara que ninguém ainda capturou. A oportunidade de ouro surge quando um magnata da borracha, no Brasil, o convida a participar numa expedição científica no coração da Amazónia. Thomas parte na esperança de ser o primeiro a conseguir recolher um exemplar da mítica borboleta, mas acabará por ser obrigado a confrontar-se com os seus próprios limites. Quando regressa, Sophie, a sua jovem mulher, recebe um desconhecido com quem não pode sequer comunicar, uma vez que Thomas se fecha num mutismo absoluto. Um romance realista e bem documentado, que capta o mundo interior das personagens, numa atmosfera saturada de mistério e de uma mórbida sensualidade.

Citações:
«Mordaz e magnético...» Book Page
«Aliciante... E intemporal.» USA Today
«Esta é uma estreia notável e King é uma escritora a acompanhar.» Publishers Weekly
«A Música das Borboletas é uma história envolvente e muito bem imaginada. King é uma escritora nata e a sua prosa é tão fluente quanto o Amazonas, rica em lirismo...» The Australian Literary Review
«A fascinante combinação de narrativa, diário e cartas que King elaborou revela-nos o verdadeiro terror que Edgar terá sentido no Amazonas...Uma história cativante.» The Washington Post
«Descrições sensuais e personagens com densidade psicológica são o ponto forte desta história.» Kirkus Review

Data 1ª Edição: 04/08/2009
Nº de Edição: 1ª
ISBN: 978-972-23-4199-8
Nº de Páginas: 288
Dimensões: 150x230mm
Peso: 428g
16,00 €

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Novidade Publicações Europa-América


A Vida que Nunca te Contei - Josephine Cox


Na cidade de Bedford, quatro estudantes ouvem a voz insistente de uma mulher a cantar. A bela melodia é entoada pela vizinha — uma pessoa solitária, que nunca abre a porta a ninguém, nem sai de casa em pleno dia.Não podiam saber que a mulher na casa ao lado, Madeleine Delaney, é perseguida por uma recordação antiga que durante vinte anos controlou a sua pobre existência…A voz angélica de Madeleine e a sua beleza impressionante atraem os corações de muitos. Mas ela só está interessada no proprietário do clube, Steve Drayton, um homem extremamente atraente mas assustador.Então, uma noite, ela presencia um crime horrível e a sua vida muda irrevogavelmente para sempre. A gentileza e a amizade de uma rapariga — Ellen — salva Madeleine da destruição total. Mas para sobreviverem têm de fugir de Londres, deixando para trás aqueles que amam, e o perigo segue-as para onde quer que vão…


Josephine Cox nasceu em Blackburn, uma de dez filhos. Aos 16 anos, Josephine conheceu e casou-se com Ken e teve dois filhos. Quando os filhos foram para a escola, decidiu ingressar na faculdade e conseguiu, por fim, um cargo na Universidade de Cambridge. Não o pôde aceitar, uma vez que isso significava viver longe de casa, mas enveredou pelo ensino e começou a escrever o primeiro romance. Ganhou o Prémio Superwoman of Great Britain, para o qual a família a inscrevera em segredo, ao mesmo tempo que o seu romance era aceite para publicação.

As suas histórias intensas, realistas, são tiradas da tapeçaria da vida. Josephine declara: «Nunca poderia imaginar um dia sem escrever. Tem sido assim desde que me lembro.»

Crítica:- «O talento de Cox como contadora de histórias nunca deixa de o enfeitiçar»
Daily Mail- «Arrebatador e intenso»
Sunday Times- «Narrativa irresistível»
Books Magazine- «Empolgante» Woman’Real

Título original: Songbird
Tradução: Maria Teresa Pinto Pereira
Colecção: Contemporânea
Pp.: 320
Formato: 15,5 cm x 23 cm
ISBN: 978-972-1-06018-0
Data de Edição: Agosto de 2009

Feira do Livro de Portimão


Propostas literárias para todos os gostos a preços tentadores e um espaço próprio dedicado às crianças, são alguns dos atractivos que vão caracterizar mais uma edição da Feira do Livro de Portimão, patente entre 25 de Julho e 23 de Agosto numa mega-livraria, que funciona numa tenda com cerca de 5000 m2, e em outros espaços situados junto à antiga Lota, na Zona Ribeirinha da cidade. O certame, organizado pela Câmara Municipal de Portimão em conjunto com três livreiros locais, abre as portas entre as 19h00 e as 24h00 conta este ano com as presenças do escritor Carlos Guerreiro (29 de Julho) e o jornalista da TVI Pedro Pinto (30 de Julho), ambas às 22h00. No exterior da mega-livraria, a Imprensa Nacional–Casa da Moeda e a Livraria Bertrand apresentarão espaços próprios, sendo de referir que ao longo de Agosto a Bertrand conta trazer a Portimão vários escritores para sessões de autógrafos, os quais serão divulgados oportunamente. O espaço “Histórias de Verão em Portimão” é uma das novidades deste ano. Trata-se de um espaço dedicado às crianças e irá funcionar diariamente na antiga Lota, com música, magia, fantoches, workshop de bijuteria infantil, noções de ciência, teatro e muito mais, com a colaboração do TIPO – Teatro Infantil de Portimão, grupo de teatro A Gaveta e Mário Fonseca, entire outros. Neste local, e a partir das 19h00, os mais pequenos podem brincar, pintar, ler, ouvir, experimentar, descobrir e rir. Por sua vez, a Hora do Conto, agendada para os dias 26 de Julho, 2, 9, 16 e 23 de Agosto, será dinamizada pela Biblioteca Municipal Manuel Teixeira Gomes às 21h00 e às 22h00, ao passo que crianças do Conservatório de Música de Portimão actuam nos dias 25 de Julho, 1, 8, 15 e 22 de Agosto. Do programa de actividades agendadas para a mega-livraria, sempre marcadas para as 21h30, constam: 26, 28 e 30 de Julho e 1, 5, 7, 11, 13, 18 e 20 de Agosto - Actuações com jovens alunos do Conservatório de Música de Portimão; 3 de Agosto - “In Memorian” Ary dos Santos, poemas e cantigas por Afonso Dias; dia 9 - Monólogos “Trapalhada Lírica”, por João Bota e Tânia Nascimento do TIPO; dia 10 - Recital de poesia de Luís de Camões, por Eduardo Ramos; dia 14 - “Movimento Perpetuo”, António Gedeão por Afonso Dias; dia 16 - Sessão de poesia “A Liberdade da Voz”, por Pedro Santos da Companhia de Teatro Fech Ópano de Vila Real de St. António; dia 17 - Recital de poesia luso-árabe, por Eduardo Ramos; dia 21 - Recital de poesia de Matilde Rosa Araújo, por Eduardo Ramos; dia 23 - “Travadorisses”, pelo TIPO. A Feira do Livro de Portimão recebeu em 2008 cerca de cem mil visitas, tendo sido vendidos 30 mil exemplares, números que fazem do certame o terceiro maior do país, a seguir a Lisboa e ao Porto.


Noticia retirada do site:www.Algarveprimeiro.com

Ainda podem aproveitar....:)

O Highlander Negro


Disponível a partir de 14 de Agosto

Dageus Mackeltar é um herói encantador assim como o seu pior inimigo. No final do anterior romance, "O Beijo do Highlander", Dageus usara os poderes dos druidas para viajar no passado e salvar o seu irmão gémeo, Drustan. Mas, ao fazê-lo, libertou os espíritos de treze maléficos druidas que agora vivem dentro dele. Durante a sua investigação de textos arcanos que podem conter a chave para aprisionar novamente os espíritos, Dageus conhece Chloe Zanders, uma amante de antiguidades em Manhattan. E, quando ela tropeça na sua colecção de documentos "emprestados", Daegus vê-se obrigado a mantê-la sob a sua vigilância. A tensão e atracção entre ambos atinge o ponto máximo quando viajam os dois até à Escócia para enfrentar os demónios de Daegus. A boa disposição de Chloe é a combinação perfeita para a sensualidade de Daegus. Esta história, selvagem e criativa, leva os leitores a uma viagem excitante através do tempo.

Este é o 5º volume da série "Highlander", tendo o anterior já sido publicado em Portugal com o título O beijo do Highlander.

Autor: Karen Marie Moning
Editora: Saída de Emergência
Livros excepcionais de uma Autora magnifica, que nos desperta tantas emoções.
www.karenmoning.com/


Se "O beijo do Highlander" foi bom, na minha opinião este utrapassa-lhe em muitos aspecto.
Dificil parar de ler, é de facto um excelente romance, cheio de Paixão, Amor, erotismo, que nos seduz até á ultima linha.
Foi bom rever Drustan,Gwen,Silvan e Nellie.
O Moço Daegus é magnifico e a Chloe mostra-nos como é bom por vezes arriscar por Amor.
Quando terminei, levei o resto do dia, nos meus pensamentos, revendo o livro de trás para a frente.
Muito Poderoso.....
Recomendo:)




Dívida de Sangue - Charlaine Harris


Sinopse
Sookie Stackhouse está numa maré de azar: primeiro o seu colega de trabalho é morto e ninguém se parece preocupar; depois, é atacada por uma criatura que a infecta com um veneno doloroso e mortal. Tudo se complica quando Bill nada consegue fazer e pede a ajuda de Eric para lhe salvar a vida. A questão é que agora ela está em dívida para com Eric - um vampiro deslumbrante mas tão belo quanto perigoso. E quando ele lhe pede um favor em troca, ela tem que aceder.De repente, Sookie está em Dallas a usar os seus poderes telepáticos para encontrar um vampiro. A sua condição é que os humanos não devem ser magoados. Mas a promessa de os vampiros se manterem na ordem é mais fácil de dizer do que de cumprir. Basta uma bela rapariga e um pequeno deslize para que tudo comece a correr mal...Entretanto, também Eric tem os seus próprios segredos...


Sangue Fresco é uma série de livros que manteve 7 livros no Top 20 do New York Times

Chancela: Saida de Emergência/ 2009
ISBN: 9789896371371
Formato: Capa mole
Dimensões: 16 x 23
Núm. páginas: 256
16.07€

Conheça melhor a autora em www.charlaineharris.com/

Se o primeiro volume o foi muito bom, este não fica nada atrás.

Cheio de muita acção e muito muito sangue.
Ficamos a conhecer melhor as personagens que nos apresentaram no primeiro livro, principalmente Eric e Bill e ainda novas criaturas paranormais. Vale a pena seguir esta Saga:)